O Hacklaviva foi um espaço de emancipação tecnológica nascido em Fevereiro de 2009 no Porto.

O espírito continua vivo: Guifi.net; Transparência Hackday; Viva Filmes

Open Data Hackathon: é já este fim-de-semana!

Publicado: 2 de Dezembro de 2010 | Por: | Em: Actividades, Direitos, hackday | 3 Comentários

O que é a Open Data Hackathon?

A Open Data Hackathon é uma iniciativa mundial que propõe um dia de trabalho à volta de bases de dados públicas. Vários grupos por todo o mundo juntam-se para discutir e pensar projectos que possam tirar partido da informação publicamente acessível, e com isso construir formas de aproximar os cidadãos da informação que é pública.

O que vai acontecer no Hacklaviva?

A hackathon de sábado será uma maratona de hacking à volta do trabalho que já temos andado a fazer dentro dos Transparência Hackdays.

Nos últimos meses, reunimos várias vezes para encontrar a melhor forma de libertar e tornar acessíveis as informações públicas contidas no site do Parlamento português, que são de difícil acesso e disponíveis usando formatos pouco apropriados (ex. PDF). Até agora concentrámo-nos em obter e reunir informações relativas aos deputados e às suas intervenções na AR. Depois de bastante trabalho de processamento e filtragem, já temos à disposição duas bases de dados — uma com a informação de cada deputado desde a constituição da AR, e outra com as transcrições catalogadas das sessões plenárias da Assembleia desde 1998.

A hackathon será o momento em que disponibilizamos publicamente este trabalho, e onde vamos começar a fazer as coisas que realmente interessam: formas interessantes, informativas e/ou curiosas de visualizar e explorar a informação que temos à disposição. O objectivo é concretizar pequenos projectos que tirem partido dessa informação, com propósitos que vão desde a libertação dos dados para encurtar a distância entre eles e os cidadãos, bem como outros propósitos artísticos, lúdicos ou simplesmente interessantes.

Quem pode aparecer? O que é para fazer?

Qualquer pessoa, seja hacker ou curios@, é mais que bem vinda. E o trabalho que temos para fazer não é só código: vamos precisar de desenhar páginas, criar documentação, documentar o evento, reunir referências, fazer desenhos… por isso aparece, que vamos encontrar formas de te ocupar!

Qual é o programa?

A hackathon começa às 10:30 de sábado dia 4, e nesse dia dura até às 19:00. Há várias opções para almoçar na área.
No domingo começaremos mais tarde*, das 14:30 às 18:00.

Haverá uma introdução ao Transparência Hackday e ao trabalho que já realizamos, seguido de um brainstorm rápido onde reuniremos ideias sobre o que podemos fazer, e daí partiremos para a hackagem. A partir daí, vamos decidindo à medida que vamos fazendo; no final da sessão de domingo, vamos reunir o trabalho feito, uma mostra geral do que se fez, e um balanço da hackathon para pensar actividades futuras.

Durante a maratona, haverá algumas surpresas, que podem envolver ou não uma ligação com a hackathon em São Paulo, e sessão conjunta via IRC com o pessoal que não pôde aparecer.

* Nota: No sábado à noite haverá uma grande festa no Palácio da Bolsa, com os Soulwax/2ManyDJ’s e outros grandes da electrónica. Alguns de nós vão — é a razão para domingo começarmos mais tarde. Mas se houver muita pica para trabalhar no domingo de manhã, encontraremos formas! E se estiveres com gás, vem fazer a festa também!

O que é preciso levar?

Para participares, o essencial é trazeres o teu computador (pode ser que consigamos pôr-te num PC da casa, mas não há garantias).
Além disso, vai dar muito jeito se trouxeres:
- Extensões eléctricas — temos que cheguem, mas nunca é demais;
- Cabo ethernet — temos wifi no HV, mas é mais seguro se trouxeres o teu cabo;
- Agasalhos — de manhã o sol bate no HV, mas vai ficar fresco;
- Bebidas e comidas — é mais importante ter de beber do que comer, traz o que quiseres e puderes. Vamos ter água, café e chá à disposição.

Como posso lá chegar?

A nossa morada é Rua Conde de Vizela 95, 4000 Porto. Vê o mapa para saberes onde fica ao certo: é mesmo à frente do Tendinha dos Clérigos, próximo do Café Aviz.

De carro

Se vieres de carro e não conheces bem o Porto o melhor é rumar a um parque de estacionamento.
Durante o fim-de-semana é difícil encontrar lugares no centro por isso aqui ficam as sugestões:
O parque da Praça D. João I, em frente ao Teatro Rivoli, é o parque com a tarifa mais baixa das redondezas.
Mais perto do Hacklaviva há os parques dos Clérigos e Praça Carlos Alberto; e a Garagem Comércio do Porto na Rua de Ceuta.

De metro

Metro – linha amarela (D)
A paragem de metro mais próxima é da Avenida dos Aliados, onde passa a linha amarela.

De comboio

Quem vem de comboio pode sair em Campanhã e apanhar uma ligação até à estação de S. Bento;
ou apanhar o metro até à estação da Trindade, trocar para a linha D em direcção a D. João II, e sair na estação da Avenida.

De autocarro

Estamos perto de dois terminais de autocarros: o da Avenida dos Aliados e o da Praça da Cordoaria.
Se optares pelos STCP, qualquer carreira que páre na Avenida dos Aliados ou Praça da Liberdade serve.
Vemo-nos lá?


Audiolib: concerto de Bluey no Hacklaviva e conversa sobre produção musical livre

Publicado: 24 de Junho de 2010 | Por: | Em: Actividades | Comentários Desligados

Neste mês arrancamos também com as iniciativas AUDIOLIB, a primeira edição de jornadas dedicadas à música livre que contamos alojar mensalmente no HV. A proposta que temos é um concerto à sexta, e uma conversa no sábado. Para os concertos, reservamos o palco para talentos que produzem criações musicais com recurso exclusivo a ferramentas livres.

Bluey, o primeiro convidado dos concertos Audiolib e vindo directamente da capital, produz música electrónica sem um género fixo, mas tende para sonoridades com toques de minimal, d&b, 2step, e outras coisas com sonoridades techno. Utiliza software livre e normalmente baseia as suas criações num sequenciador, um sampler para as batidas e vários layers de sintetizadores, tudo programado no momento e depois gravado ao vivo.

[Infelizmente, ao contrário do anunciado na newsletter, o Ricardo Lameiro não pode estar presente nos concertos; no entanto, virá no sábado para se juntar à conversa.]

No dia a seguir aos concertos Audiolib, juntamos os artistas para uma conversa franca e descontraída sobre os seus métodos de trabalho e inspiração, a influência das ferramentas livres na sua prática, e para partilhar e trocar impressões sobre o que fazem e como o fazem.

Para além das presenças de Ricardo Lameiro e Bluey, contaremos também com mais um gigante da área: Rui Nuno Capela, um hacker extraordinaire dedicado ao áudio livre. Caso trabalhes com ferramentas sonoras livres, o mais certo é já teres usado algo que passou pelas suas mãos, já que Rui Capela é developer e/ou participa na construção de bastantes aplicações relacionadas com a criação sonora livre: QJackCtl, Qtractor, Qsynth, Qsampler, QMidiCtl e outras poderosas Qriações.

Aos dois junta-se Ricardo Lameiro, fagotista licenciado pela ESMAE, a concluir o Mestrado em Música para o ensino vocacional na Universidade de Aveiro. Estudou electrónica no ensino secundário e sempre teve uma paixão pela tecnologia. O gosto pela tecnologia levou-o a procurar caminhos livres no hardware hacking e na música. No momento, está a desenhar um espectáculo em que Fagote e a tecnologia são unidos unicamente por software livre.

Por isso, há melhor forma de ressacar de uma noite de música livre que não seja uma tarde de música livre?

Concerto: Sexta dia 25 às 21:30

Conversa: Sábado dia 26 às 15:00

[Imagem: petergorges @ flickr]


HOJE: Font Secrets Revealed — Dave Crossland @ Hacklaviva

Publicado: 22 de Junho de 2010 | Por: | Em: Actividades | 2 Comentários

Dave Crossland volta para partilhar connosco uma palestra relacionada com os temas da tipografia, cultura livre, empreendedorismo, e como combinar os três.

“As fontes não podem ser partilhadas e, quando não funcionam, não tens autorização para as consertar. Criar os nossos próprios tipos de
letra é quase magia negra, obscurecida em mistérios.

Há bastante tempo, o software de criação de fontes era o mesmo, mas o movimento do software livre libertou o conhecimento, as ferramentas e o negócio do software. Agora, é altura de libertarmos as fontes.

No dia 22 de Junho às 21:30, Dave Crossland vai partilhar connosco como desenhar tipos de letra utilizando apenas software livre — e como ganhar dinheiro com isso.

[conversa em inglês]

> http://www.understandinglimited.com
> http://www.openfontlibrary.org

[Imagem: typoatelier @ flickr]


É já amanhã também: Transparência HackDay Porto

Publicado: 18 de Junho de 2010 | Por: | Em: Uncategorized | 2 Comentários

Para continuar a tarde de sábado, o Hacklaviva volta-se para os universos do info-activismo e do jornalismo do cidadão. Vamos sentar-nos para falar do Transparência HackDay Porto — uma iniciativa para regularizar encontros entre activistas e coders, jornalistas e geeks, curiosos e curiosas, inspirada em eventos do género por parte dos nossos irmãos brasileiros.

Com a quantidade de bases de dados públicas já disponíveis (por exemplo a PorData), há imenso que podemos fazer. Desde os mashups até às infografias, o objectivo do Transparência HackDay é tornar mais visível a estrutura da sociedade em que vivemos, usando “o software livre ao serviço da cidadania”, como refere o site Transparência na AP, um dos melhores exemplos nacionais deste esforço.

O objectivo deste primeiro encontro é reunir pessoas interessadas neste esforço, trocar ideias sobre possíveis projectos, pensar colaborações e definir datas para termos hackdays regulares dedicados à transparência social.

[Imagem: Global Voices]


É já amanhã: A-B-C / Oficina de Tipografia Livre!

Publicado: 18 de Junho de 2010 | Por: | Em: Actividades | 5 Comentários

Dave Crossland, para além de fundador da Open Font Library, é um activista pelo uso do software livre nas esferas criativas, percorrendo o mundo para mostrar como podemos criar alfabetos e tipos de letra com recurso a ferramentas livres. Entre outras muitíssimas contribuições para a cultura livre, Dave Crossland é também o autor da lindíssima Cantarell.

Nesta oficina, os participantes vão aprender formas de dissecar as formas do alfabeto latino, e utilizar este modelo teórico para criar um tipo de letra de forma colaborativa num rápido jogo de design.

O jogo vai envolver o desenho de letras em papel, com recurso a um sistema de ‘version control’ de carne e osso. Depois de uma passagem pelo FontForge, a fonte resultante será enviada para a Open Font Library.

Não é necessária experiência prévia de desenho de tipos de letra!

Necessários serão alguns materiais:

  • Papel de máquina (e outros que queiras trazer)
  • Papel A3, cavalinho ou outro
  • Lápis (de preferência HB)
  • Marcador preto grosso
  • canetas Bic de duas cores (de preferência azul e vermelho)

Também vai ser óptimo se puderes trazer o teu computador portátil, e melhor ainda se já vieres com o Fontforge instalado. Caso não possas, temos alguns computadores no Hacklaviva que poderás utilizar.

E a entrada é livre! Só te pedimos que lá estejas às 10 em ponto. A oficina dura das 10 às 12, para retomar das 14 às 16 horas.

[Imagem: Cantarell]


Newsletter #0006: Junho é nosso!

Publicado: 14 de Junho de 2010 | Por: | Em: Newsletter | 1 Comentário

                                                            growf
                                                            /
           é hackla             e tá na baixa!            < º)
                 `                   `                    _|\_
         __      \o'      __   __    \o/     _             ^^
        / /_  ____|______/ /__/ /___ _|   __(_)   ______ _/ /
       / __ \/ __ `/ ___/ //_/ / __ `/ | / / / | / / __ `/ /
      / / / / /_/ / /__/ ,< / / /_/ /| |/ / /| |/ / /_/ /_/
     /_/ /_/\__,_/\___/_/|_/_/\__,_/ |___/_/ |___/\__,_(_) 
     
                      -= NEWSLETTER #0006 =-

 Nesta newsletter:
 * A-B-C: Oficina de Tipografia Livre
 * Transparência HackDay Porto
 * Os Segredos das Fontes -- Revelados
 * audiolib: Concertos e conversas sobre Música Livre no HV
 * Signos: Conversa sobre Arte Copyleft

 Ler o resto desta entrada »

Privacidade nas nuvens — Sábado 12 de Junho, 21:30

Publicado: 11 de Junho de 2010 | Por: | Em: Uncategorized | Comentários Desligados

Amanhã, Sábado dia 12, vamos juntar-nos para falar de privacidade, presença e identidade nas internets.

OpenPGP: O que é e como usar

Ricardo Pinho

Já imaginaste se toda a tua correspondência electrónica fosse pública para que qualquer pessoa a pudesse ler? O OpenPGP é um standard de criptografia para o correio electrónico, que toda a gente pode — e deve — usar. Vamos ter uma breve introdução ao PGP com truques e dicas para um início rápido ao correio privado.

Freedom in the Cloud

Eben Moglen — projecção em inglês, sem legendas

Todos querem um pouco de nós hoje em dia: Google, Facebook, Flickr, Apple, Bing. Eles vão dar-te tudo de borla: contas de e-mail, armazenamento de fotografias, alojamento web. Em troca, eles querem ficar à escuta. E nós deixamo-los. Eles vão guardar as nossas coisas, organizar as nossas fotos, tomar nota dos nossos compromissos, desde que possam espreitar. Vai tudo para a “nuvem”.

A história de como chegámos aqui é algo assustadora. Mas ainda pior será a história de como vamos sair. Eben Moglen, professor de Direito e História do Direito na Columbia University e fundador da Software Freedom Law Center, desafia-nos a contemplar como as coisas se tornaram piores desde então e explicar como podemos reclamar a nossa liberdade na era da Web 2.0.


Pythonistas do Porto e arredores, uni-vos!

Publicado: 21 de Abril de 2010 | Por: | Em: Uncategorized | 1 Comentário

No próximo sábado, vamos acolher no (novo) Hacklaviva o primeiro encontro do Python Portugal:

Este é o primeiro evento do Python Portugal – Grupo de Utilizadores de Python Portugueses. O objectivo principal é reunir os Pythonistas portugueses, de forma a nos conhecermos, trocar ideias e construir sinergias profissionais ou pessoais.

Sejas veteran@, iniciad@ ou curios@, há melhor maneira de passar um sábado de tarde do que encontrar gente com vontade de mostrar o que faz e partilhar o que sabe?

Na página do evento podes também inscrever-te para mostrar e/ou falar do que quiseres.

Por isso anda ver o novo espaço do Hacklaviva e saber o que os Pythónicos andam a fazer!


Um ano depois, continuamos a sorrir

Publicado: 24 de Fevereiro de 2010 | Por: | Em: Actividades | Comentários Desligados

No dia 20 de Fevereiro de 2009, quatro almas convergentes juntaram-se para iniciar uma série de conspirações e planos que se foram materializando numa comunidade diversa e colorida q.b. a que gostamos de chamar Hacklaviva.

Sábado passado, como combinado, juntámo-nos ali na Gesto para festejar o primeiro aniversário desta semente.

Ler o resto desta entrada »


O Hacklaviva faz anos! E há festa!

Publicado: 18 de Fevereiro de 2010 | Por: | Em: Newsletter | Comentários Desligados

                                                           
                                                            Â
           é hacklab      ,,,,,,,    e faz anos!          < º)
                 `        iiiiiii       ´                 _|\_
         __      \o'     !_______!   \o/     _             ^^
        / /_  ____|______/ /__/ /___ _|   __(_)   ______ _/ /
       / __ \/ __ `/ ___/ //_/ / __ `/ | / / / | / / __ `/ /
      / / / / /_/ / /__/ ,< / / /_/ /| |/ / /| |/ / /_/ /_/
     /_/ /_/\__,_/\___/_/|_/_/\__,_/ |___/_/ |___/\__,_(_)  
                                          diy libre techz

                     -= O HACKLAVIVA É BEBÉ! =-

                         Nesta newsletter:	
                     1º ANIVERSÁRIO HACKLAVIVA
                      20 de Fevereiro de 2010

                        a partir das 19:00
                           na Gesto, CRL
 Ler o resto desta entrada »